Header Ads

Carlos Almeida:«Estes resultados não me deixam envaidecido»

foto zerozero

O Dragões Sandinenses atravessa o seu melhor momento da temporada, estando actualmente na liderança da Série 1 da Divisão de Honra. O regresso à Divisão de Elite parece ser uma meta tangível, tudo por culpa do seu jovem treinador, Carlos Almeida, que dá mostras de competência apesar dos seus 24 anos.




Convidado a assumir a equipa a meio da temporada passada, na Divisão de Elite, Carlos Almeida sabia que estava à sua espera uma tarefa ingrata de tirar o clube na zona vermelha da tabela, algo que não foi capaz de fazer porque o clube "entrou numa espiral negativa" e "tudo correu mal".

Apesar da descida à Divisão de Honra, o jovem treinador voltou a merecer a confiança da direcção (presidida pelo seu pai, Neca Gomes) e pelas gentes de Sandim. A julgar pelos excelentes resultados, a continuidade de Carlos Almeida acabou por se tornar numa aposta ganha.

"Sinto que, agora, as pessoas já não olham para a minha idade. Tenho competência para liderar este projecto, mas estes resultados também não me deixam envaidecido. Pelo contrário, só me obrigam a ser cada vez melhor", referiu o treinador em declarações a um jornal nacional.

Carlos Almeida confessou ainda que acalenta o sonho de um dia regressar ao profissionalismo, depois de ter sido adjunto de Ulisses Morais no Famalicão, da Segunda Liga.

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.