Header Ads

Pedro Barroso de saída:«Abraçarei outro projecto com a mesma intenção, ser feliz»

foto O Paredense

Pedro Barroso não vai continuar no comando técnico do Aliados de Lordelo, informou o treinador através de uma nota publicada nas redes sociais.




O jovem técnico agradeceu a toda a estrutura do Aliados de Lordelo, inclusive à direcção do clube por lhe ter endereçado o convite para "treinar um clube tão prestigiado".

Eurico Couto, treinador do Paredes, que recentemente garantiu a subida aos nacionais, também foi mencionado pelo agora ex-treinador do Aliados.

«Porque os meus princípios de vida e valores de vida assim o exigem, parabéns USC Paredes e ao meu amigo de sempre pela subida Eurico Pinto Couto», refere Pedro Barroso.

Aliados foi a equipa que mais pontos conquistou e não subiu




Numa entrevista concedida à página do Aliados de Lordelo, no início da temporada, Pedro Barroso estava longe de imaginar que acabaria a temporada 2017/2018 a lutar pela subida ao Campeonato Portugal. Com um plantel jovem e vários reforços que foram dispensados pelas equipas candidatas à subida, Pedro Barroso criou uma equipa com mentalidade vencedora.

Na referida entrevista, o treinador tinha traçado a meta dos 45 pontos e com um objectivo de "melhorar a classificação" da época anterior, porém, acabaria por terminar a fase regular da Divisão de Elite no 1º lugar e com o apuramento para  a fase de Subida, tornando o Aliados o "outsider" da competição.

Na "poule" de subida, onde estavam os dois primeiros classificados das séries 1 e 2, o Aliados terminou em quarto lugar mas foi a equipa que mais pontos fez em toda a temporada se somarmos as duas provas: 71 pontos na Série 2 com 6 pontos na poule de subida dá 77 pontos, já o "campeão" da subida, o Paredes, apenas conseguiu o máximo de 76 pontos.

Quando ao seu futuro, Pedro Barroso indicou que irá abraçar "outro projecto com a mesma intenção, ser feliz".

Henrique Daniel Silva




Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.