Header Ads

Clube festeja manutenção com fogo de artifício mas acabou por apanhar as canas

Foto FPF

O insólito aconteceu no passado domingo, num jogo da Série A do Campeonato Portugal, prova onde milita o S. Martinho.






O Montalegre precisava de vencer o Arões  para garantir a manutenção e adiantou-se no marcador, já na primeira parte, através de Paulo Roberto. A vantagem dos transmontanos continuou até ao minuto 90, altura em que os adeptos da casa começaram a lançar foguetes para festejar a tão almejada manutenção, mas, entretanto, o insólito aconteceu.


«Iancu Vasilica dá quatro minutos de compensação. Os foguetes soltaram-se a comemorar a manutenção, porém o Arões marca depois de um canto na esquerda e conclusão do sub-capitão Emanuel. Balde de água gelada no estádio, com os adeptos do Arões a fazerem a festa e os do Montalegre em estado de choque… Foi um golpe de teatro, afinal, contas feitas, falta um ponto aos transmontanos para celebrarem a manutenção…Já diz o povo, e bem “não se devem deitar os foguetes antes da festa” ou “à espera do ovo no cu da galinha”.», pode ler-se num artigo publicado no site Desportivo Transmontano.

Em declarações no final do jogo, o treinador do Montalegre, Paulo Viage, lamentou o empate nos instantes finais:«“Estávamos a ganhar 1-0, tivemos várias situações para fazer 2-0, não fizemos e no último lance empataram. O facto de mandarem os foguetes antes da festa desconcentrou a equipa… Não é nenhuma tragédia empatar aqui”.».

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.