Header Ads

Entrevista com Pena:«Para mim será a melhor época se for coroada com a subida»


O ponta de lança Pena, do Perosinho (1ª Divisão AF Porto), voltou a renascer para o futebol depois de uma grave lesão que o impediu de pisar os relvados durante dois anos. O ponta de lança tem sido uma das principais referências da formação gaiense que neste momento luta para subir. Pena, 27 anos, é o entrevistado desta semana do Bancada Distrital.








Bancada Distrital: Em primeiro lugar, como te defines como jogador?

Pena: Agradeço desde já o vosso convite para a vossa entrevista e com todo o agrado tentarei ser o mais sincero possível em todas as respostas .Como jogador, avalio-me como um ponta de lança de área, forte de costas para a baliza, bom na finalização, principalmente no jogo aéreo.Tento pela experiência já adquirida transmitir aos mais jovens o prazer de pertencer a um plantel que luta por uma subida de divisão.

BD: Podes contar-nos qual foi o teu percurso enquanto jogador?

P: Tive uma boa formação. Iniciei-me no Salgueiros até aos iniciados e estive no meu primeiro de juvenil no extinto Sport Progresso e acabei o resto da minha Formação no Rio Ave e SP.Espinho . Subo a sénior (semi-profissional no SP.Espinho ), depois tenho passagens pelo Arcozelo, Foz e Gondim da Maia (tive uma grave lesão, factura de perónio e tíbia que me deixa 2 anos afastado do futebol). E agora encontro-me há duas épocas no Futebol Clube de Perosinho.

BD: Aos 27 anos e com uma época a correr-te bem, quer a nível individual e colectivo, tencionas dar um salto para um patamar superior?

P: A nível pessoal as coisas tem corrido bem , fruto também das condições de trabalho que o clube me garantiu. Um clube sério, ambicioso e principalmente cumpridor. A nível colectivo as coisas poderiam estar bem melhores, pois fomos a única equipa que claramente assumiu a subida de divisão como objectivo principal, mas estamos bem dentro dos objectivos a que propusemos . Em relação a patamares superiores, não sou de fazer previsões, até porque o projecto do clube é bom e estável, mas nunca sabemos o dia de amanhã . (Entrevista continua em baixo depois da pub)






BD: Fala-nos acerca do Perosinho e do trajecto da equipa esta temporada. Apesar do percalço da última jornada, a subida de divisão ainda está no horizonte do grupo de trabalho?

P: Quanto ao clube, como já anteriormente referi, é um clube muito sério, com excelentes condições de trabalho, uma massa associativa grande que acompanha sempre a equipa, uma Direcção presente, um clube que aprendi a admirar, a gostar e que, por esse motivo, recusei algumas propostas que surgiram agora na abertura do Mercado. Tenho mesmo um carinho muito grande por esta gente.  Quanto ao percalço, mais uma vez fomos surpreendidos por equipas que vão lá em baixo na tabela classificativa, mas a nossa equipa reuniu-se no balneário, uniu-se e agora são 10 finais ,todas elas com um só objectivo: ganha-las!

BD: Daquilo que conheces da 1ª Divisão, quais são para ti as equipas que praticam bom futebol?

P: Uma divisão muito inconstante, onde os de lá de baixo já tiraram muitos pontos aos de cá de cima. Só por aí se vê que vai ser uma batalha todos os domingos para ganhar os 3 pontos,mas a nível de futebol jogado gostei muito do Senhora da Hora, do Atl. Rio Tinto e do Águas Santas.

BD: Acerca do teu bom desempenho na presente temporada, és da opinião de que estás a realizar a melhor época desportiva em toda  a tua carreira?

P: A nível pessoal eu comprometi-me com o objectivo da meta dos 20 golos. Neste momento tenho 12 no campeonato 4 na taça, mas não vou dizer que seja a minha melhor época, pois tive épocas que já ultrapassaram esse registo, mas concordo que seja uma boa época, mas para mim, será a melhor época se for coroada com a subida de divisão do clube .

BD: Por fim, queres acrescentar algo que não foi dito nas questões anteriores? 

P: Agradecer o fantástico trabalho que a página faz para tentar transmitir aos seus leitores a realidade do futebol distrital, dar uma palavra de carinho a todos os sócios e simpatizantes do Clube Futebol Perosinho por continuarem do nosso lado e pedir-lhes para acreditarem porque como um dos capitães  posso-lhes prometer que tudo, mas tudo faremos para colocar aquele Clube no lugar merece, e se o conseguirmos a subida também é deles.

Entrevista realizada por: Henrique Daniel Silva

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.