Header Ads

Candal quer expulsar sócio na próxima assembleia geral


A próxima assembleia geral extraordinária do Candal realiza-se no próximo dia 25 de Agosto e um dos pontos na ordem de trabalhos a ser discutido e votado será a expulsão de antigo dirigente e sócio nº 35 do clube.




Segundo a convocatória, a proposta de expulsão partiu da actual direcção do CD Candal e enumerou os motivos pelos quais o sócio em questão será expulso, nomeadamente  a "apropriação ilegal dos bens do clube", "não acatar as resoluções da assembleia geral", "publicamente ter desrespeitado os orgãos directivos e pessoas que já os ocuparam" e ainda "ter publicamente injuriado de uma maneira generalizada, os associados que participaram nas últimas três assembleias gerais".

A actual direcção presidida por Ismael Martins também irá esclarecer os associados acerca da situação económico-financeira, que, aliás, tem sido divulgada nas redes sociais onde o clube tem denunciado dívidas contraídas por "quem geria" o clube.

Henrique Daniel Silva

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.